Tamuaté-Aki – Site defende causa indígena

Postado em: 11 de junho de 2014 - Por: Filippo Cavalcanti

campanha Tamuaté-Aki está ganhando a internet e a adesão de milhares de brasileiros com a hashtag #tamuateaki. Trata-se de um movimento que colhe assinaturas para apoiar os povos indígenas na defesa de seus direitos legítimos. Contra os índios – e portanto contra todos nós -, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 215/2000, da Câmara Federal, que pretende suprimir o direito originário dos povos indígenas sobre suas terras tradicionais, reconhecido pela Constituição democrática de 1988.

tamuaté-aki

“A maioria das Terras Indígenas no Brasil sofre invasões, impacto de obras e, frequentemente, os índios colhem resultados perversos do que acontece mesmo fora de suas terras, nas regiões que as cercam: poluição de rios por agrotóxicos, desmatamentos etc. Apesar disso, em algumas regiões do Brasil, quase tudo o que sobrou da cobertura vegetal nativa está no interior das terras indígenas e das unidades de conservação”, diz a apresentação oficial do projeto. A campanha Tamuaté-Aki pretende pressionar parlamentares a rejeitarem e vetarem a PEC 215. Uma luta antiga pela sobrevivência da cultura contra interesses econômicos perversos, já que na visão indígena, território não é tido apenas como uma terra, no sentido capitalista, em que se extrai recursos naturais. Território é visto como uma terra mãe, de onde ele tira sua sobrevivência, mantém viva sua cultura. Portanto, seu modo de ser está intimamente ligado ao seu território sagrado.

“Tamuaté-aki de tanto desrespeito!”

Dentro da rede social “Uma Gota no Oceano”, que fomenta iniciativas socioambientais e conecta pessoas conscientes e engajadas, a campanha Tamuaté-Aki ganhou estofo com a participação de personalidades influentes e formadoras de opinião.
Os atores Marcos Palmeira, Wagner Moura, Letícia Sabatella, Maria Paula, Dira Paes, Cláudia Ohana, Giulia Gam, o surfista Pedro Scooby e o músico Toni Garrido, são alguns dos “atacantes” deste time. O site do projeto traz detalhes sobre a pauta, videos e depoimentos de especialistas sobre a importância da preservação das unidades de conservação e a relação dos territórios indígenas com a saúde do ecossistema em geral.

Veja o video de lançamento da campanha:

“Não é uma luta por privilégios, mas sim por direitos”, afirma Sônia Guajajara, integrante da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib). Letícia Sabatella complementa: “Se acharmos natural atropelar os direitos garantidos na Constituição abrimos um precedente que vai na contramão do nosso espírito democrático”. Você não pode perder essa oportunidade de se juntar ao time e acertar a flecha no alvo. Manifeste-se e assine a petição também. Com ou sem tingimento de urucum, nós, brasileiros, somos todos índios!

 

A Infolink apoia a campanha Tamuaté-aki!

Direta e indiretamente, a InfoLink orgulhosamente também veste essa camisa – e este cocar!

Além de divulgar internamente a importância da campanha para nossos colaboradores e incentivar a adesão, hospedamos o site da agência digital Go2Web, responsável pelo desenvolvimento da página virtual do Tamuaté-Aki – que também é hospedada em nossos servidores.

Especializada em tecnologia da informação, comunicação interativa e marketing online, a Go2Web fortalece estratégias e presta serviços online para clientes como Coca-Cola, Embratel, Petrobras, O Globo, Mc Donald´s e muitos outros. A ONG “Uma Gota no Oceano” também faz parte deste portfólio de peso.

 

Não podemos negligenciar esta batalha. Compartilhe e divulgue essa ideia!

Socioambiental se escreve junto! Juntos, somos bem mais!

Leia também