O que muda na versão 5.6 do PHP?

Postado em: 23 de novembro de 2015 - Por: Marcelo Ramos

php5.6
A versão 5.6, em seu release 5.6.15, é a mais recente da linguagem PHP. A nova versão traz uma série de benefícios, mas alguns pontos devem ser observados antes da migração, especialmente em relação às funções descontinuadas, deprecated functions.

Agora é possível utilizar valores numéricos, literais e constantes onde anteriormente só eram permitidos valores estáticos. Por exemplo, agora podemos declarar que uma constante B é definida pelo valor de uma constante A * 3,14159. Anteriormente, isto só era possível se B fosse uma variável. Este conceito foi definido como expressões escaláveis.

Melhoria no uso de Variadic functions. Na versão 5.6, em vez de utilizarmos a função func_get_args() e construirmos o código para tratar os resultados de uma chamada com indefinidos parâmetros, agora podemos utilizar o operador …, que simplifica a construção de códigos.

Agora é possível definir a codificação padrão dos caracteres das funções htmlentities(), html_entity_decode() e htmlspecialchars() utilizando a função default_charset().

Outras melhorias:

– A biblioteca ZIP recebeu uma série de melhorias. Agora é possível por exemplo gerar arquivos zip protegidos por senha, simplesmente utilizando o comando ZipArchive::setPassword($password)

– A exponenciação pode ser realizada agora utilizando o operador **

– O operador use foi estendido para permitir também a importação de funções e constantes além de classes

– Uma série de alterações foram realizadas na classe OpenSSL do PHP 5.6 visando a melhorias de segurança como, por exemplo, criptografia automática por padrão de todos os streamings, alteração do default ciphers segundo as recomendações da fundação Mozilla, inclusão de suporte a SPKI dentre outros

Ao optar por utilizar a versão 5.6 do PHP, atente para os recursos que foram descontinuados. Se seu código os utiliza, consulte a documentação do PHP, para identificar as alterações que devem ser realizadas. Os principais recursos descontinuados foram:

– O $HTTP_RAW_POST_DATA foi descontinuado sendo substituído pelo php://input

– As opções de condificação para iconv e mbstring foram descontinuadas e devem ser substituídas pela default_charset()

Algumas funções foram alteradas e seu uso merece uma análise antes da migração. As principais funções alteradas foram: crypt, substr_compare, unserialize, Mcrypt e XMLReader.

A versão 5.6 do PHP é estável e busca atender a demanda dos desenvolvedores em relação à facilidade de desenvolvimento e segurança.

Se você deseja migrar seu domínio para esta nova versão analise as alterações em http://php.net/manual/pt_BR/migration56.php. Depois é só abrir um chamado no Helpdesk solicitando a migração. O PHP 5.6 está disponível tanto para servidores da plataforma Linux quanto para servidores da plataforma Windows.

Conheça nossa Hospedagem PHP.

 

Leia também