Data Center Virtual: menor custo, maior produtividade

Postado em: 19 de maio de 2015 - Por: Érika Bazilio

banner-virtual-server

 

Como cortar custos e aumentar a produtividade em tempos de crise? Essa é a pergunta que todas as empresas fazem. Não existe uma resposta pronta, é claro, mas em TI, pelo menos, muitas já descobriram a pólvora. E quem sai na frente, abre grande vantagem sobre a concorrência.

Portanto, se você quer melhorar os resultados da sua empresa, é bom prestar atenção à sua área de TI e em tudo que ela pode oferecer.

Pool de recursos

Virtualizar o data center ou montar sua empresa em uma estrutura virtual é uma realidade sem volta no mundo corporativo. A explicação é muito simples: estrutura ágil, custos menores e inovação são grandes aliados das organizações que buscam ganhar mercado.

Em vez de ser apenas uma estrutura física, seu data center passa a atuar como um pool de recursos inteiro que pode ser atribuído, de modo seguro e eficaz, a qualquer tipo de aplicativo. Incluindo os que você já tem hoje em sua estrutura e aos que provavelmente irá incluir de acordo com as novas demandas de sua empresa no futuro.

Você substitui a intervenção manual pela automação inteligente, garantindo que seus aplicativos estarão sempre disponíveis e ativos.

 

Data center definido por software

O data center virtual é construído segundo o conceito de software-defined data center (SDDC). Sua capacidade de processamento, armazenamento, rede, segurança e disponibilidade são agrupados e entregues como serviço, geridos por software.

 

Redução e previsibilidade de custos

Essa estrutura definida por software permite uma redução drástica de custos. Afinal, é muito mais barato contratar recursos em nuvem pública do que comprar equipamentos ou fazer qualquer investimento de infraestrutura em TI. O data center virtual é contratado como um serviço com cobrança mensal, transformando CapEx em OpEx. O pagamento passa a ser pelo uso e não é mais necessária a aquisição de equipamentos em que a capacidade de atender a demandas futuras deve ser previamente analisada.

Há, ainda, a facilidade de gerenciamento, já que o console de administração é via web, onde é possível gerenciar todos os servidores, rede e storage a partir de um único painel.

 

Escalabilidade e autonomia

O data center virtual rompe todas as limitações da estrutura física. A partir do recurso de hot add, por exemplo, você mesmo pode acrescentar CPU e memória em sua máquina em execução, sem downtime ou paralizações operacionais. Procedimento que poderia demorar muito mais tempo em uma estrutura tradicional.

Economia em custos diretos

E para terminar, serviços como o data center virtual e o cloud computing podem trazer, entre inúmeras vantagens, grande economia na conta de luz. Afinal, você sabia que o centro de processamento de dados é um dos maiores consumidores de energia, representando em torno de 40% do custo total mensal de uma empresa?

É claro que esse assunto não se esgota aqui. Quer saber mais sobre o data center virtual e descobrir como transformar sua área de TI de centro de custos para um aliado de resultados? Conheça o Data Center Virtual Infolink

 

Leia também