Dia Mundial do Backup

Postado em: 31 de março de 2017 - Por: Marcelo Ramos

Dia Mundial do BackupO Dia Mundial do Backup foi estabelecido em 2011 para lembrar às pessoas (e as empresas) sobre a importância de manter cópias de seus dados, tanto de seus computadores, dispositivos móveis, ou mesmo dos dados armazenados em servidores e storages.

A data foi escolhida por ser o dia imediatamente anterior ao Dia da Mentira no Brasil, mas que em muitos lugares do mundo é conhecido como Dia dos Tolos, com a mensagem subliminar de que você deve fazer cópia de seus dados para não se sentir um tolo.

Cópia de Segurança (Backup)

Mas o que é então uma cópia de segurança?

De forma simplificada, para as pessoas físicas, é uma cópia de seus dados em um local externo ao disco rígido do seu computador. Caso seus dados sejam perdidos, seja por que seu computador “quebrou”, seja porque seu computador foi alvo de um vírus, ransomware etc e o seu backup está em dia e é confiável, você pode restaurar seus dados em um novo computador ou após resolver o problema em seu computador.

Mas e quanto a cópia de segurança para empresas?

Existe uma série de formas de realizar as cópias de segurança dos dados de empresas. Desde uma cópia dos dados em um HD externo até a utilização de uma combinação de políticas e ferramentas que atenda ao modelo 3-2-1.

A política correta para sua empresa depende de uma série de fatores como quantidade de dados, tempo que a empresa pode aguardar pela recuperação dos dados após um sinistro, necessidade de atendimento de compliances etc.

3-2-1

A regra 3-2-1 é uma prática recomendada para backup e restore, criada por Peter Krogh. Ela se resume a três passos simples:

  1. Ter pelo menos três cópias dos seus dados
  2. Armazenar estas cópias em pelo menos duas mídias diferentes
  3. Manter uma cópia de backup fora do ambiente no qual os dados residem

Mas o que ganho com o 3-2-1?

Ao seguirmos a prática, teremos sempre a cópia original e pelo menos duas outras versões. Se não for possível restaurar os dados de uma das cópias de backup, ainda teremos outras duas versões (a). As chances de falhas simultâneas em dois tipos de mídias diferentes, são muitos reduzidas (b). A manutenção de uma cópia externa dos dados permite que caso ocorra um desastre no ambiente corporativo (incêndio, inundação, furto etc), ainda teremos uma cópia fora do ambiente (c).

Qual política e ferramenta(s) devo escolher?

Escolher uma ou a combinação de algumas ferramentas de backup/continuidade, ainda não é uma tarefa trivial, mas o importante é que temos um grande leque de opções.

A InfoLink é parceira de algumas empresas especializadas em soluções de backup, continuidade e recuperação de desastres. Zerto, Veeam e R1Soft são algumas destes parceiros. Bata um papo com nosso time e entenda um pouco mais das possibilidades e cenários para o seu negócio.